antonio machado da costa pliteiro
 NotíciasVisitas: Contador de Visitas 
Estado da columbofilia. 03-12-2018

 A minha opinião sobre o estado da columbofilia.

Quando eu comecei a praticar columbofilia por volta do ano 1980.

Só que nessa altura dava-se muito valor aos feitos que os pombos faziam , os Primeiros pombos que tive foram comprados no mercado chamavam nessa altura os vendedores de pombos  charlatões . 

Tinham uma coisa eram mais baratos que os pombos vulgares porque as pessoas que os compravam maior parte das vezes deixava-nos fugir e os charlatões , vendia-nos, varias  vezes.

A columbofilia dizem que evolui, começou-se a dar valor ao preço dos pombos não aquilo que eles fazem. Com evolução acabaram os charlatões, e apareceram os vendedores de sonhos. Se continuarmos a não valorizar aquilo que os pombos fazem, que e regressar a casa. os pombos não andam em corrida . Quem anda em corrida somos nos por isso e que cada vez a mais vendedores de sonhos e menos columbófilos. Se continuarmos dar valor aos pombos que não chegam casa em vez dar valor ao feito que os pombos fazem. cada  vez vão a ver mais vendedores    de sonhos e menos columbófilos,  cada vez vai haver mais pombos famosos, que  correios.  Os derbies os pombos que vão para lá maior parte não são filhos de pombos correios mas sim de pombos famosos. Os famosos Se os metessem a cesto mandassem a meia dúzia de provas eles certamente metade deles não existiam. Com isto não e para atacar ninguém e simplesmente a minha opinião. E O PAN que se diz defensor dos animais que se preocupe com os pombos que vivem nas torres das cidades, esses sim passam fome morrem  a fome.

socio n 1 - SCG 14-05-2010

65 anos a praticar columbofilia e 25 anos a dar-me cabo da cabeça.

 

Campeonato desde 1997 dos columbofilos no activo até 2009 13-03-2010